16/12/2006

Foi tarde... bem tarde!


É claro que a nossa bronca recai sobre ele, que a sua morte é mais que um alívio para quem sabe como foi a vida política da América Latina nos chamados anos de chumbo...

Foi mais um daqueles que se oferecem ou aceitam o papel de testa de ferro ou papagaio de pirata ou qualquer outra coisa, desde que tenha um recompensa...

Em nome da ordem social e com seu consentimento ou omissão, milhares de conterrâneos seus foram torturados, mortos, banidos...

Apoiando e sendo apoiado por alguns poucos de dentro e de fora de seu país - todos muito ocupados com a ordem econômica – destroçou a vida de um povo...

...

Um baita apoio, diga-se de passagem, já que morreu sem ter que devolver um tostão da dinheirama ganha como ditador, dinheirama evidentemente depositada em contas bancárias fora do seu país... Mais ainda: nem condenado foi pelos crimes que cometeu...


...

Nenhum comentário:

Postar um comentário