03/12/2013

'Expressionante"

Por volta das 8h30 de hoje, pela primeira vez, percorri o trecho subterrâneo entre a estação paulista e a consolação. E depois, por volta das 12h30, da consolação à paulista.

'Expressionante'!!!

Claro, não é novidade pra ninguém o quanto é ruim o sistema de transporte público na cidade de São Paulo. Mesmo quem, como eu, que não utiliza frequentemente ônibus e metrôs, sabe o quanto esse serviço deixa a desejar... E não me refiro ao constante descumprimento dos horários e nem do proposital exagero de passageiros, mas da estrutura mesma da estação, especialmente as acima citadas.

'Expressionante' – é o mínimo que se pode falar delas!!!

Andar a passos curtos e obrigatoriamente uniformes, ter que encolher braços e ombros, olhar a nuca de quem está à frente, cuidar dos bolsos e da bolsa... E tudo isso num corredor estreito embaixo da terra [são 300 metros que parecem quilômetros!]... definitivamente, é muita humilhação! É como se fôssemos gado em direção ao matadouro! É desrespeito total!

Como explicar e justificar uma coisa dessas? Ou será que os 'responsáveis' não sabiam do número de passageiros que circulariam por entre as duas estações??? Francamente!!!

Aliás, não é de causar espanto a capacidade de certos arquitetos, engenheiros e seus patrões, sobretudo quando 'pensam' e, então, levantam ou afundam suas construções? E quando os prédios são escolas e postos de saúde? E as estações do metrô, os terminais e pontos de ônibus – por que tais edificações têm que ser especialmente feias e tão mal 'pensadas'?

'Expressionante' – é o mínimo que se pode dizer!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário